Blog da Sismu

  • Coleções Informatizadas Podem Gerar um Catálogo Virtual

    Coleções Informatizadas Podem Gerar um Catálogo Virtual

    Criar um catálogo virtual de suas coleções é uma maneira atrativa de divulgar detalhes do seu acervo, que por vezes passam despercebidas aos olhos dos visitantes. 
     
    Com uma informatização adequada, as coleções ficam padronizadas e organizadas, facilitando o processo de desenvolvimento de catálogos virtuais. Este modelo de catálogo pode ser adicionado ao site de sua instituição, tornando seu acervo disponível 24 horas por dia na internet. 
     
    Fazer um catálogo possibilita obter maior visibilidade para sua instituição. Um catálogo virtual também é uma boa maneira de divulgar exposições, pois através do compartilhamento na internet, é possível propagar detalhes e informações de modo a...

    Veja mais
  • Inovação no Museu de Arte Brasileira da FAAP em São Paulo

    Inovação no Museu de Arte Brasileira da FAAP em São Paulo

    Sediado na cidade de São Paulo, o Museu de Arte Brasileira pertencente a Fundação Armando Alvares Penteado-FAAP, foi fundado em 1961, detentor de várias obras de expressão nacional e internacional, formalizou no primeiro semestre de 2016 a opção pela gestão do seu acervo através da Plataforma Sismu.
    A escolha da ferramenta deu-se principalmente devido a sua capacidade de customização de fichas catalograficas para absorver e indexar diferentes tipos de acervo e, também pelo fato da mesma ser segura e estável operando completamente na nuvem.
    A FAAP tem como alguns de seu pilares a inovação e a cultura, logo manter a memória de...

    Veja mais
  • Solar Grandjean de Montigny – Museu Universitário da PUC Rio, inauguram  Viventes

    Solar Grandjean de Montigny – Museu Universitário da PUC Rio, inauguram Viventes

    A exposição Viventes, com obras da fotógrafa Marian Starosta e curadoria de Eder Chiodetto, terá sua abertura no dia 9 de julho de 2016, às 16h, no Solar Grandjean de Montigny Puc- Rio. Visitação até 11 de agosto. 
     
    A mostra será uma instalação construída a partir de histórias orais, de retratos dos sobreviventes e do contexto em que vivem hoje, além de fotografias de objetos e documentos registrados a partir de visitas da fotógrafa em residencias de 29 viventes que chegaram ao Brasil após terem escapado do holocausto. 
     
    O projeto foi iniciado em 2013 com o objetivo de fazer um inventário dos...

    Veja mais